Carta XI ERA (Encontro Regional de Agroecologia) – NE

Federação dos Estudantes de Agronomia do Brasil – FEAB
Associação Brasileira dos Estudantes de Engenharia Florestal – ABEEF
Entidade Nacional dos Estudantes de Biologia – ENEBio
Carta do XI Encontro Regional de Agroecologia Nordeste – XI ERA NE
“Quem tem consciência para ter coragem, quem tem a força de saber que existe e no centro da própria engrenagem inventa a contra-mola que resiste”

O XI Encontro Regional de Agroecologia Nordeste com o tema “ Agroecologia – livro pra comida prato pra educação”, em Cruz das Almas na Bahia de 21 a 25 de abril, reuniu 432 pessoas dos diversos estados do Nordeste, além de representantes do Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais e Pará, promovendo a integração dos encontristas de diversas universidades, reunindo várias áreas do conhecimento, cursos, entidades e grupos, com diversos espaços de troca de experiências como grupos de discussões, feira, reuniões das executivas, culturais e espaços de livre iniciativas dos encontristas. Mesmo com todos esses espaços de trocas ainda podemos avançar em nossas metodologias relacionadas a integração, como a maior relação entre os 13 Grupos de Discussão, tempo trabalho e atividades práticas, assim como a inserção mais ativa dos grupos de agroecologia na construção e durante o evento.
Os conteúdos foram apresentados de forma objetiva, relacionando Agroecologia com o Semi-árido e Universidade, finalizando com um Ato público contra a implantação de usinas termelétricas no recôncavo da Bahia dentro do debate de Matriz energética do Brasil. Durante o ERA observou-se que a Agroecologia não se restringe a um posicionamento diretamente técnico, tendo um caráter político e de diálogo, preocupado com problemas ambientais e sociais. Mesmo sentindo falta de atividades praticas, ficou claro o papel do ERA, que é inserir a dimensão política e social da agroecologia. Tivemos um momento para apresentação das organizações que constroem o ERA, mesmo com pouco tempo para aprofundar sobre os papeis das executivas, despertou-se o interesse dos participantes para conhecer melhor as organizações do Movimento Estudantil. O que poderia ter contribuído para enriquecer o encontro é a participação de agricultores e movimentos sociais.
O Ato público foi na cidade de Sapeaçu/BA, cidade vizinha à Cruz das Almas, contra a construção de termelétrica próximas ao centro da cidade, prejudicando o meio ambiente e a saúde da população. O IMA (Instituto de Meio Ambiente) emitiu parecer CONTRÁRIO a construção da termelétrica, mas Juliano Matos Souza, presidente da CEPRAM (Conselho Estadual de Proteção Ambiental) “tratorou” o parecer técnico do IMA e através de ad referendum liberou a construção da usina. O ato inseriu os estudantes de forma muito animada em uma marcha no centro da cidade, com carro de som, organizado em comissões como de animação, infra estrutura, segurança, registro e comunicação cumprindo seu papel pedagógico.
Apesar de muitos estudantes estarem tendo o primeiro contato com a agroecologia, o evento cumpriu seu objeto em relação a esse contato inicial, e apresentando e deixando claro o posicionamento político das executivas que constroem o ERA, a FEAB, ABEEF e ENEBio, e essas mesmo com suas diferenças e peculiaridades conseguem construir uma unidade em torno da Agroecologia, potencializando essa temática para dentro do Movimento Estudantil.
Observou-se a necessidade da realização dos pré-ERA’s pois alguns estudantes vieram com
pouca base. Tivemos uma participação muito boa, apesar de alguns encontristas não participarem
ativamente do encontro.
Acreditamos ter avança em nosso debate da Agroecologia e que precisamos avaliar todo o processo do XI ERA NE, em cada universidade nos preocupando com o Pós-ERA e Também com a inserção dos encontristas nos coletivos, grupos, CA’s, DA’s, DCE’s e executivas garantindo a participação nos congressos e encontros nacionais.
“Livro pra comida, prato pra educação”

Federação dos Estudantes de Agronomia do Brasil – FEAB

Associação Brasileira dos Estudantes de Engenharia Florestal – ABEEF

Entidade Nacional dos Estudantes de Biologia – ENEBio

Publicado em Eventos | Deixe um comentário

Olá a Tod@s!

O blog do galo acaba de sair do forno! é só começar a usa-lo!

” Aprofunda-te na matéria! Abre os teus sensos! Tenta perceber as formas dadas pela própria natureza! E tu chegarás a criar laços mais íntimos com ela. Isto acarretará mais sensibilidade nos tratos, nas relações com nossos irmãos (seres vivos) no campo e na floresta, bem como nas relações entre os seres humanos. Assim, a agricultura voltará a ser o que ela era, no sentido da palavra: cultura. Uma tentativa culta de conseguir o necessário daquilo que precisamos para nos alimentarmos, além das outras matérias primas essenciais para nossa vida, sem a necessidade de diminuir e empobrecer a vida no lugar, na terra. Isto implica em considerarmos um gasto mínimo de energia, onde não cabe maquinaria pesada, agrotóxicos, fertilizantes químicos e outros adubos, trazidos de fora do sistema.

A agricultura, dessa forma, passa a ser uma tentativa de harmonizar as atividades humanas com os processos naturais de vida, existentes em cada lugar que atuamos. Para conseguirmos isto é preciso que haja em nós mesmos uma mudança fundamental, uma mudança na nossa compreensão da vida.” Ernst Götsch

Publicado em Sem Categoria | Deixe um comentário